Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Constança Martins

Blog sobre Imobiliário e ideias para gostar mais da sua casa

09 de Fevereiro, 2021

Recheio de casas: Aplicações e sites que o ajudam encontrar interessados em comprar

Constança Martins

moveis antigos.jpg

Se está a pensar em vender o seu imovel, mas não sabe o que fazer com toda a mobília que o acompanhou durante anos, saiba que pode ter um nova vida na casa de outra pessoa. Se não conheçe ninguem que esteja interessado em ficar com o recheio, poderá  ir à procura de quem o compre. Antes de colocar os seus objetos à venda, descubra o seu preço certo, tire boas fotografias que devem ser precisas tanto para descrever falhas quanto para transmitir as reais condições do objeto, para ninguém ficar surpreendido na altura da compra.
 
Onde vender:
  • OLX - A mais conhecida plataforma de venda online, depois do registo pode criar anúncios para cada uma das peças que pretende vender, deve criar uma descrição detalhado do anúncio e incluir informações de contato. 

  • Wallapop - O Wallapop é uma aplicação semelhente ao OLX, mas dispõe de um chat que facilita muito o processo entre ambas as partes.

  • Custo Justo - Funciona como o OLX, mas tem uma vantagem; a publicação dos anúncios é gratuita.

  • Facebook Marketplace - A maior rede social criou um "mercado de usados" onde pode anunciar os seus artigos e aguardar pelo contacto dos interessados.

  • Antiquarios - Pode mostrar os produtos atravez de portfólio criado por si, no sites em leilões ou diretamente nas lojas.
Ainda tem como alternativa os sites: hatudo.pt e Tuugo.pt, são motores de busca gratuitos de negócios e produtos.
 
Outra forma de se desfazer do recheio é doar a uma instituição de caridade.
 
Caso chegue à conclusão que o lixo é o melhor destino, deve contactar a Câmara Municipal da sua area de residência para que façam a recolha, nunca abandone monos na via pública, para além de contribuir para a poluição, está sujeito a multa por danos em património público.